Feira da agroecologia retorna em Itabaiana

Suspensa há cinco anos, a feira volta a funcionar no Dia Nacional do Agricultor

Após cinco anos sem ser realizada, a Feira Agroecológica Sabores e Saberes, das Organizações de

Controle Social (OCS’s), do Agreste Central, retornou na última sexta-feira, 28 de julho, data em que se comemora o Dia Nacional do Agricultor. A feira que foi criada em 2011, acontece ao calçadão Dr. Airton Teles, no centro de Itabaiana. Realizada pela Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro), em parceria com o Sebrae e Secretaria Municipal de Agricultura de Itabaiana, o evento conta com barracas de artesanato rural, beiju de massas, comidas típicas, bioinsumos, consulta veterinária de pequenos animais e orientações técnicas.

O objetivo da feira agroecológica é divulgar a cultura do consumo de alimentos orgânicos e levar alimentos saudáveis, sem uso de veneno, até o consumidor, além de contribuir com uma melhor qualidade de vida pra quem consome. Durante a feira ainda aconteceram apresentações culturais, orientações de nutrição e saúde, distribuição gratuita de sementes de milho, da variedade crioula, de mudas frutíferas e de espécies nativas, além dea comercialização de bolos naturais e sucos Detox (feitos à base de frutas e vegetais que possuem propriedades antioxidantes e diuréticas).

“A agroecologia vem buscando seu espaço e, pensando nisso, nós estamos sempre presentes nas ações de comercialização dos produtores orgânicos de Sergipe. A gente sempre observou que o calçadão Dr. Airton Teles foi um espaço privilegiado para venda desses produtos. Então estamos retomando, em parceria com o município, Sebrae e demais parceiros a continuar com essa feira agroecológica, que facilita muito para a população acessar esse alimento de qualidade. É um espaço diferenciado. Estaremos incentivando os agricultores a produzirem cada vez mais um alimento saudável”, comentou o chefe do escritório local da Emdagro, em Itabaiana, Waltenis Braga.

Uma das pioneiras da feira, a agricultora familiar Élida Rosa Vieira, disse estar muito feliz com o retorno da atividade. Na ocasião da OCS do Agreste Central, a agricultora levou vários produtos para serem comercializados no local: cenoura, cebola, chuchu, beterraba, couve, alface, cebolinha, agrião, rúcula, inhame, macaxeira, batatas e muitos outros. “Há 11 anos iniciamos esse trabalho aqui na feira e estou muito feliz por estarmos retomando, depois de cinco anos que ficou suspensa. Hoje estamos trazendo, inclusive, produtores de orgânicos de outras OCS para mostrar que a cultura da agroecologia no Estado de Sergipe é uma cultura extremamente viável”, afirmou.

Participando pela primeira vez da feira agroecológica, em Itabaiana, o agricultor orgânico da OCS Colônia Treze, em Lagarto, Resivaldo Antônio dos Santos, trouxe mais de 40 produtos para comercializar. “Estou muito feliz em estar aqui no meio de tantos amigos e tantas pessoas que querem transformar a agroecologia no Estado. Eu trouxe pra feira um pouco de tudo que eu produzo, mas o que estou ensinando aqui hoje é a fazer o melhor beiju do mundo, para que o povo pare de comer só pizza, pastel, panqueca e lasanha.

Comercialização

Para o Assessor de Comercialização da Emdagro, Wagner Brito, a feira livre é um importante canal de comercialização da agricultura familiar agroecológica. “A venda de produtos orgânicos de origem animal (criações) e vegetal (culturas) exige planejamento, organização e persistência. O agricultor precisa ter em mente que o importante é se organizar para comprar bem, produzir bem e vender bem e, nesse caso, o vender bem tem que levar em consideração realizar um levantamento dos mercados para a comercialização dos produtos orgânicos, como a feira, a venda direta em domicílio e o ponto de vendas”, comentou Wagner. Ainda segundo Brito, a proposta da feira é que ela aconteça todas as sextas-feiras, das 7h às 12h. “Importante reconhecer também que a organização da feira contou com a participação dos colaboradores do escritório local da Emdagro”, ressaltou.

Governo

Última atualização: 1 de agosto de 2023 12:31.

Pular para o conteúdo