Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola realiza missão de apoio ao Projeto Dom Távora, em Sergipe

Em parceria com Governo do Estado, projeto contribui com a mitigação da pobreza rural em 15 municípios

A Secretaria de Estado da Agricultura do Desenvolvimento Agrário e da Pesca (Seagri) recebeu, nesta semana, a primeira missão do ano realizada pelo Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA), em apoio ao Projeto de Negócios Rurais para Pequenos Produtores – Projeto Dom Távora. A comitiva esteve em Sergipe entre os dias 2 e 6 de fevereiro, auxiliando no planejamento das ações do acordo de empréstimo internacional, firmado com o Governo do Estado para 2020. 

Uma das principais atividades da visita foi o lançamento do Prêmio Semear Internacional de Jornalismo, realizado na quarta-feira (5), na sede do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado – Sindijor. O concurso premiará as melhores reportagens sobre os projetos financiados pelo FIDA em 11 estados do Brasil. Em Sergipe, o FIDA financia o Projeto Dom Távora, executado pelo Estado, através da Seagri. O lançamento contou com a presença de representantes do Semear Internacional e profissionais da imprensa sergipana.

O secretário da Agricultura, André Bomfim, agradeceu a parceria com o FIDA e avaliou como importante a presença deste órgão das Nações Unidas e o papel de acompanhamento que realiza nos estados, para legitimar a aplicação dos investimentos públicos. “A presença proativa do FIDA, suas fiscalizações e recomendações validam nosso trabalho enquanto gestores públicos. Nos dá a segurança de que os investimentos estão sendo rigorosamente aplicados”, disse.

O oficial do FIDA para a Divisão da América Latina e Caribe, Leonardo Bichara, transmitiu o sentimento de entusiasmo com os avanços do projeto. “Nossa parceria com Sergipe tem sido bastante satisfatória no sentido de levar Planos de Negócios para as comunidades do Semiárido e do Baixo São Francisco. Ampliou-se o número de projetos financiados, aumentando o percentual de famílias atendidas pelo projeto com investimentos em negócios rurais, capacitação e assistência técnica. Além disso, fomos informados de que 70 planos de negócios (46%) já estavam encerrados com prestação de contas, o que constitui um avanço significativo com relação à missão anterior”.

A Missão do FIDA foi composta por Leonardo Bichara Rocha (Chefe de Missão), Frederico Lacerda (Especialista em Aquisições e Contratações), Adriana Martins (Especialista em Planejamento, Monitoramento e Avaliação) e Cintia Guzman (Especialista em Gestão do Conhecimento e Apoio a Monitoramento e Avaliação). O coordenador de programa do PNUD de Salvador Leonel Neto participou como convidado.

Projeto Dom Távora

Atualmente, o Dom Távora executa 154 planos de negócios, em 15 municípios do Estado, nos seguintes territórios: Centro Sul – Tobias Barreto, Poço Verde e Simão Dias; Território Agreste Central e Médio Sertão – Pinhão, Nossa Senhora Aparecida, Carira, Graccho Cardoso e Aquidabã; Território do Baixo São Francisco – Japoatã, Santana do São Francisco, Ilha das Flores, Pacatuba, Brejo Grande, Neópolis e Canhoba. Com investimento de R$ 46 milhões, o projeto beneficia 6.056 famílias, das quais 2.974 são mulheres, 2.841 homens, 1.545 jovens e 572 quilombolas.

Governo

Última atualização: 10 de fevereiro de 2020 14:08.

Pular para o conteúdo