Publicado: 30 de abril de 2019, 15:50

Governo inicia Distribuição de Sementes com entrega de 180 T de milho a 18 mil famílias


Cerca de 18 mil pequenos produtores rurais de 22 municípios serão contempladas com a entrega de 180 toneladas sementes de milho este ano

Cerca de 18 mil pequenos produtores rurais de 22 municípios serão contempladas com a entrega de 180 toneladas sementes de milho este ano. Na última segunda-feira, 29 de abril, em Nossa Senhora da Glória, o Governo de Sergipe iniciou o Programa de Distribuição de Sementes, resultado de uma parceria firmada entre a secretaria de Estado da Inclusão Social (SEIT), a secretaria de Estado da Agricultura (Seagri) e a Empresa de Desenvolvimento Agrário de Sergipe (Emdagro), por meio de recursos do Fundo Estadual de Combate à Pobreza. No ato, o governador Belivaldo Chagas sancionou o projeto de Lei de regulamentação das queijarias artesanais, anunciou a segunda etapa do Programa de Melhoramento Genético Inseminação Artificial por Tempo Fixo (IATF) e realizou a entrega das sementes de milho – crioulas e certificadas.

A entrega de sementes de milho representa um investimento de R$ 900.000,00, realizado com recursos do Funcep. Segundo a secretária Lêda Lúcia Couto, as sementes viabilizam maior rentabilidade na produção, gerando renda para os pequenos produtores rurais. “Isso é inclusão social pela renda. Ficamos felizes em poder contribuir com a melhoria de vida de tantas famílias”, pontuou sobre a iniciativa, que beneficia os municípios de Aquidabã, Canindé de São Francisco, Feira Nova, Frei Paulo, Gararu, Gracho Cardoso, Itabi, Monte Alegre de Sergipe, Nossa Senhora Aparecida, Nossa Senhora das Dores, Nossa Senhora da Glória, Nossa Senhora de Lourdes, Pedra Mole, Poço Verde, Porto da Folha, Ribeirópolis, São Miguel do Aleixo, Simão Dias, Tobias Barreto, Lagarto, Pinhão e Poço Redondo. 

Segundo o governador, com as sementes em mãos no tempo certo e São Pedro mandando chuva, a safra promete ser farta. “Distribuímos em tempo hábil, basta agora que tenhamos chuvas suficientes para termos uma boa produção. Fiz questão, ainda, de reforçar a questão relacionada à palma. A gente vai criar um programa que vai incrementar a distribuição das sementes de palmas. Afinal de contas, temos uma região que precisa de chuvas, precisa de água. Por isso, vamos formar um banco de sementes de palma, como alternativa, no momento de seca para alimentar o gado”, disse o governador Belivaldo Chagas.

Após a conclusão do processo de licitação, será a vez da entrega das sementes de arroz para 19 mil produtores o Baixo São Francisco, e sementes de palma forrageira para o semiárido sergipano. A sementes de palma forrageira escolhidas são resistentes à cochonilha do carmim e bastante adaptáveis à seca, tornando-se uma alternativa importante para alimentação do gado em períodos de estiagem. A aquisição de insumos, com recursos na ordem de R$ 1.000.000,00, beneficiará 1.300 famílias de agricultores familiares da região. “Principalmente quem é agricultor familiar sabe a importância que essas sementes trazem para o campo. Elas são libertadoras, conseguem dar autonomia ao agricultor familiar. Eles podem fazer o armazenamento destas sementes e utilizá-las no próximo plantio”, disse o secretário de Estado da Agricultura, André Bomfim.

Melhoramento Genético

Na solenidade, Belivaldo anunciou, ainda, a segunda etapa do Projeto de Melhoramento Genético Inseminação Artificial por Tempo Fixo (IATF), que traz como objetivo o melhoramento genético do gado leiteiro de pequenos produtores sergipanos. Em 2018, através de acompanhamento da Emdagro, 92 pequenos produtores dos municípios de Nossa Senhora da Glória, Monte Alegre, Poço Redondo e Canindé do São Francisco foram beneficiados e a previsão é que, neste ano, o projeto amplie a atuação, chegando a 11 municípios do semiárido.

“Temos a necessidade de ampliar o programa de inseminação artificial no gado leiteiro. Nós fizemos no ano passado mais 500 inseminações, o que vai gerar uma boa produção de leite. Portanto, todas essas ações demonstram o nosso olhar voltado ao Sertão, além do que estamos planejando em termos de abastecimento de água, melhorias das rodovias, que atendem a essa região e a Sergipe como um todo”, complementou o governador.

O prefeito de Nossa Senhora da Glória, Chico do Correio, reconheceu a importância dos investimentos realizados. “Só quero agradecer o que o senhor, governador, está fazendo e complementar com essa outra ação que é de extrema importância para nossa região que é a maior produtora de leite do Estado. São mais de 50% do leite produzidos aqui às margens do São Francisco, Porto da Folha, Santa Rosa, Poço Redondo, Monte Alegre e assim sucessivamente”, declarou.

|Com informações de: ASN

|Fotos: Vanessa Passos


Atualizado: 30 de abril de 2019, 15:50
Skip to content