Moradores de Frei Paulo têm acesso a serviços do setor agropecuário durante ‘Sergipe é aqui’

Secretaria da Agricultura e vinculadas prestaram atendimento à população durante sétima edição do evento, que ocorreu na quinta-feira, 6

Com uma população de cerca de 15 mil pessoas, o município de Frei Paulo, localizado no agreste sergipano, se destaca na produção de milho no estado. Nesse sentido, a Secretaria da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca (Seagri), juntamente com suas vinculadas – Coderse, Emdagro e Pronese -, levou serviços e informações à população frei-paulistana durante a sétima edição do ‘Sergipe é aqui’, realizada pelo Governo do Estado na quinta-feira, 6.

Na oportunidade, técnicos e dirigentes dos órgãos estaduais prestaram atendimento à população do município, especialmente a agricultores familiares que foram ao stand da Agricultura para receber o Cadastro da Agricultura Familiar (CAF). Além disso, eles também tiveram acesso ao cadastro para coleta e análise de solo e a orientações sobre políticas públicas ligadas ao setor agropecuário. 

“É muito importante estarmos aqui, em mais uma edição desse projeto, que disponibiliza diversos serviços ao homem do campo. Temos certeza que depois dessa visita do governo aqui em Frei Paulo todos puderam conhecer os serviços ofertados e vão usufruir ainda mais de tudo que o Estado tem para oferecer à população sergipana”, destacou o secretário Executivo da Seagri, Marival Santana. Ele representou o secretário titular da pasta, Zeca Ramos da Silva, que viajou a Teresina/PI, para o XXI Fórum dos Gestores e Gestoras da Agricultura Familiar do Nordeste.

O diretor-presidente da Emdagro, Gilson dos Anjos, destacou que o Governo do Estado tem cumprido seu papel de olhar para aquele que mais precisa do serviço público: o pequeno produtor. “Nós tivemos grandes avanços nesse período. Nesses primeiros seis meses de governo, foram emitidos 8.400 CAFs, dando cidadania ao pequeno produtor rural, que pôde ter acesso às linhas de crédito rural nos bancos; fizemos a distribuição de sementes, hortaliças, de plantas ornamentais e frutíferas, entre outros serviços de assistência técnica para a agricultura familiar”, destacou.

Para a agricultora Fernanda Almeida, do Assentamento Riachão, onde há 32 famílias de pequenos produtores rurais, o evento proporcionado pelo governo foi muito importante para o município. “Trouxemos amostras para análise de solo, o que vai nos ajudar muito a entender qual tipo de adubo que devemos usar na nossa comunidade, e também recebemos mudas de plantas e hortaliças para plantarmos em nosso assentamento”, destacou.

A presidente da Associação Nova Esperança, Estelita Santos da Conceição, foi até a sede do município de Frei Paulo representando o Assentamento Cachoeira, composto por 27 famílias. “Gostei muito de participar dessa ação aqui em Frei Paulo. Vim receber o CAF de alguns assentados e prestigiar o evento. Volto pra casa muito satisfeita, pois trouxe minha neta pra fazer a identidade dela e ainda ganhei mudas de hortaliças e árvores frutíferas”, afirmou a agricultora.

Ações da Coderse

A Companhia de Desenvolvimento Regional (Coderse) levou à população de Frei Paulo o mesmo atendimento realizado na sede em Aracaju. “Recebemos demandas de perfuração, instalação e manutenção de poços. Também expomos aos visitantes do ‘Sergipe é aqui’ a maquete do Programa Água Doce (PAD). Essa tem sido uma forma de mostrar à população, de cada local onde ocorre o evento, o que a Coderse faz e como opera recursos, material humano e expertise na infraestrutura hídrica para manter em funcionamento”, explicou o presidente da empresa pública, Paulo Sobral.

Para o conselheiro tutelar em Frei Paulo, José Nunes Filho, essa maquete proporciona uma melhor compreensão sobre a unidade do PAD. “É sensacional, muito interessante. Como eu também sou professor de Geografia, vejo muito esse tipo de projeto, mas poucos de uma forma tão detalhada, e ao mesmo tempo simples de entender”. O Água Doce é Coordenado no estado pela Seagri e executado pela Coderse e outras instituições.

Ele também chamou atenção para o projeto de unidade de produção de água dessalinizada interessante, destacando os 29 sistemas do PAD em funcionamento em nove municípios do Semiárido sergipano. “O projeto que a gente vê é muito interessante, principalmente para a população de classe média e baixa, para a Agricultura Familiar. É um incentivo para aquelas regiões com água doce, potável. O incentivo do Estado é muito interessante. Um investimento em tecnologia e com a ajuda do Estado e do Governo Federal”, ponderou o conselheiro.

Governo

Última atualização: 13 de julho de 2023 09:26.

Pular para o conteúdo