Parceria entre Banese e Emdagro leva linhas de crédito a agricultores de Boquim

O banco vai disponibilizar 120 milhões de reais em crédito para agricultores de todo o Estado

Apresentar linhas de créditos que facilitem investimentos para melhorar a produção dos agricultores do município de Boquim, essa foi a proposta do encontro, ocorrido na manhã desta quinta-feira, 20, que envolveu o debate sobre o crédito rural, promovido pela Emdagro e Banese. O evento contou com a presença de 60 agricultores da região e dos chefes dos escritórios local e regional da Emdagro, Luiz Fernandes e Joetônio Ferreira, respectivamente, e do assessor de programas e projetos especiais, Godofredo Albuquerque.

Na primeira explanação, o coordenador de desenvolvimento rural da Emdagro, Ary Bonfim, falou sobre as ações do órgão junto ao homem do campo, a exemplo do programa de Inseminação Artificial por Tempo Fixo (IATF), distribuição de sementes de milho e palma forrageira, instalação de uma Unidade de Produção de Sementes de Citros, recuperação de dez estufas para a produção de mudas e a contratação de crédito rural pelo Banco do Nordeste (BNB), no valor de mais de 12 milhões de reais. Em seguida, o Gerente Geral do Banese +Agro, Alan Dias Santos, apresentou as principais linhas de crédito para custeio e investimentos disponibilizadas pelo banco para os agricultores da região, a exemplo do Pronaf, Pronamp para a citricultura, piscicultura, arroz, hortaliças e fruticultura e, através do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FNE) investimento para a agroindústria, a exemplo da pecuária de leite, numa oferta de mais de 120 milhões de reais para agricultores de todo o estado.

“O Banese procurou a Emdagro interessado em passar um crédito para agricultores de uma renda que pudesse pegar acima de 100 mil reais e, como a Emdagro é a casa do agricultor, a gente tá fazendo essa parceria abrindo as portas dela para trazer os agricultores aqui a fim de que o Banese possa apresentar seus produtos e nós vamos trazer todos agentes financeiros que queiram ser parceiros e o nosso principal objetivo aqui é que o produtor saia ganhando nessa história, com menores taxas de juros, maior tempo de investimento”, falou o Diretor Técnico da Emdagro, Jean Carlos Ferreira.

O Gerente Geral do Banese +Agro, Alan Dias, comemora os ganhos que o banco teve na área, no último exercício agrícola. “Para este ano nós disponibilizamos 120 milhões de reais que foi um incremento de 20% em relação ao ano anterior. Esse valor teria que ser aplicado até junho, mas nós já superamos e tivemos que fazer uma dotação orçamentária para aumentar esse valor. Hoje o banco já aplicou 110% da meta prevista e ainda tem muito crédito a ser liberado até o final do ano agrícola, em junho”, comentou.

Ainda segundo o gerente, o banco está oferecendo linhas de crédito como o Pronaf, para pequeno produtor, Pronamp para o médio e para os grandes produtores o FNE para investimento e custeio. Ele reforçou ainda parceria com a Emdagro. “Fiquei surpreso com a mobilização dos agricultores feita pela Emdagro nesse primeiro encontro de crédito rural em parceria com a gente. Nós conseguimos mostrar todas as nossas linhas, demonstrar nossas condições e ouvir os produtores suas demandas e levar até a nossa superintendência e diretoria para visualizarem novas linhas de crédito”, disse.

Para o agricultor e Presidente da Associação Sergipana dos Produtores Rurais (Asserpror), Airton Santana, o encontro foi muito importante e esclarecedor. “Essa reunião foi bastante importante não só pra quem tem interesse em linhas de crédito para a agricultura, mas também para a pecuária, para quem quer criar um gado de leite, um gado de corte, o Banese está fazendo essa abertura de crédito nos mesmos moldes do Banco do Nordeste. Parabenizo a Emdagro e o Banese pela iniciativa de levar essas ações aos agricultures”, agradeceu.

Governo

Última atualização: 21 de abril de 2023 10:59.

Pular para o conteúdo