Seagri e prefeitura de Poço Verde somam esforços para apoiar agricultores familiares

O valor já investido, por meio do Projeto Dom Távora no município, corresponde a R$ 1.262.619,60 para atividades produtivas em cinco comunidades.

Na terça-feira, 3, a secretária de estado da Agricultura, Rose Rodrigues, visitou o município de Poço Verde e na manhã desta quarta-feira, 4, recebeu em seu gabinete a secretária municipal de Desenvolvimento Rural, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Adriana Souza, e demais assessores. O propósito dessa somação de esforços é, segundo as gestoras, discutir possíveis investimentos por meio do Projeto Dom Távora e apresentar soluções para as dificuldades de aplicação dos recursos por parte das organizações comunitárias.

No encontro de hoje, a secretária de estado demonstrou celeridade ao que foi discutido com o prefeito de Poço Verde, Iggor Oliveira. Rose Rodrigues disponibilizou a assessoria técnica do estado à disposição da equipe municipal para dialogar sobre parcerias que podem viabilizar investimentos nas comunidades rurais. Neste encontro foram analisadas as demandas das comunidades com a possibilidade de serem atendidas por meio do projeto Dom Távora.

Os dados apresentado pela Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca (Seagri) dão conta de que o Estado de Sergipe já financiou quase um milhão e meio em projetos comunitários, denominados de Planos de Investimentos, para as comunidades rurais de Poço Verde. O valor já investido por meio do Projeto Dom Távora no município corresponde a R$ 1.262.619,60 para atividades produtivas em cinco comunidades: no povoado Francisco José dos Santos (criação de galinha caipira e codornas), povoado Tanquinho (apicultura), Caçimba Nova (caprinocultura), e Amargosa II (artesanato e costura).

Pelo levantamento discutido entre os técnicos da Seagri e Prefeitura de Poço Verde, existem 18 projetos comunitários protocolados na unidade técnica estadual pleiteando apoio financeiro. Segundo o assessor da Seagri, Vicente Melo, “os projetos entraram na Unidade Técnica da secretaria por meio do edital 2018 do Projeto Dom Távora e estão passando por análise documental e de viabilidade econômica”. O assessor disse ainda que todos os projetos encaminhados, mesmos os de 2017, estão sujeitos a análise e que nos próximos dias a Unidade Técnica da secretaria vai publicar na imprensa oficial e na página da Seagri os projetos que cumpriram os requisitos do edital e estão aptos a receber recursos.

A secretária de Desenvolvimento Rural, Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Poço Verde, Adriana Souza, explicou que a intenção da gestão municipal é ajudar do que for possível para apoiar as organizações comunitárias a implementar as atividades produtivas. “Sentamos com a equipe do governo estadual para, também, identificar as dificuldades das comunidades. Percebemos que mesmo dentre aquelas organizações comunitárias que já receberam recursos, há uma dificuldade de aplicação dos investimentos. Caminhamos no sentido de resolves este problema. Nossa expectativa com essa parceria é levar mais investimentos para o município e apoiar ainda mais os agricultores”.

Governo

Última atualização: 4 de abril de 2018 13:09.

Pular para o conteúdo