Sergipe e Bahia assinam acordo de cooperação técnica para atividades e projetos na área da pesca e carcinicultura

O acordo é voltado ao desenvolvimento das comunidades pesqueiras e aquícolas nos territórios dos dois estados vizinhos

O Governo de Sergipe e a Bahia Pesca S/A assinaram um acordo de cooperação técnica com o objetivo de desenvolver ações capazes de dar suporte à implantação de programas e projetos do segmento da Cadeia Produtiva da Pesca e da Aquicultura. Com fundamento nas Leis nº 13.303/2016, 8.666/1993 e 9.433/2005, o acordo é voltado ao desenvolvimento das comunidades pesqueiras e aquícolas nos territórios dos estados da Bahia e de Sergipe.

A assinatura ocorreu no parque João Cleophas, durante visita do governador Fábio Mitidieri à Feira da Reforma Agrária e Agroecologia, onde ele assinou o documento juntamente com o presidente da Bahia Pesca, Daniel Vitória, e o diretor técnico do órgão Josafá Marinho de Aguiar.

Para o secretário de Estado da Agricultura, Zeca Ramos da Silva, o acordo de cooperação vai promover uma troca de experiências, informações e parcerias entre Sergipe e Bahia. “Com certeza faremos boas parcerias. A Expo Pesca Sealba foi um grande sucesso aqui em Sergipe, com apoio do Governo do Estado e é uma feira que já se consolidou como um grande ambiente de negócios, com a participação de um grande público, e vimos essa necessidade de conversar, de dialogar com a Bahia, para trazer o que há de bom para Sergipe e promover essa grande troca de experiências entre os estados”, destacou ao se referir ao evento como grande referência para a assinatura do termo de cooperação.

O governador Fábio Mitidieri destacou que a cooperação técnica vai fortalecer ainda mais o setor em Sergipe. “E na Bahia também, com essa troca de experiências entre os dois estados. Temos uma carcinicultura forte em Socorro, São Cristóvão, Pirambu, e não tenho dúvidas que podemos nos somar para crescermos ainda mais, ajudando nossos pescadores e as famílias que vivem do beneficiamento desse produto no estado”, disse. “A Expo Pesca hoje é uma realidade importante em nosso calendário de eventos, pois movimenta a economia nesse segmento tão importante como é o da pesca”, pontuou.

O presidente da Bahia Pesca, Daniel Vitória, também celebrou o momento. “Bahia e Sergipe são estados vizinhos, irmãos, e cada vez mais poder estreitar esses laços com a pesca e a aquicultura é de grande relevância. O Bahia Pesca é um órgão do Governo do Estado, vinculado à Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura da Bahia, e tem 41 anos.  Também temos cinco estações de pesca, de piscicultura e cinco terminais pesqueiros na Bahia, que é um estado muito grande, mas que sempre está disposto a aprender e fazer esse intercâmbio cultural, intercâmbio de novas tecnologias, porque Sergipe apesar de ser territorialmente menor, a gente tem muito que aprender também”, afirmou.

Conforme o coordenador da Câmara de Pesca e Aquicultura da Fecomércio e idealizador da Expo Pesca, Humberto Eng, o acordo vai promover uma maior troca de informações entre os dois estados e só trará benefícios para Sergipe. “Essa assinatura de hoje é fruto do resultado que a Expo Pesca teve e para mostrar como a gente pode trabalhar unido, Sergipe e a Bahia. Já vínhamos alinhavando isso e, agora, vamos trazer esse benefício para área de pescado no estado, onde cada vez mais a gente precisa trocar informações, experiências e tecnologia”, destacou.

Governo

Última atualização: 1 de dezembro de 2023 12:34.

Pular para o conteúdo