Emdagro realiza visita técnica à Embrapa de Campina Grande para impulsionar produção de algodão agroecológico

Plano de ação estadual deverá operacionalizar programa em Sergipe

Representantes da Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro) realizaram uma visita técnica na terça-feira, 3, à Empresa Brasileira De Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Algodão, localizada em Campina Grande, na Paraíba, para participar de uma reunião relacionada ao Programa do Algodão Agroecológico. O programa, uma parceria entre o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e a Embrapa Algodão, tem como objetivo revitalizar a cultura do algodão em sistemas de base sustentável no Nordeste.

A equipe, composta pelo diretor de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), Jean Carlos Nascimento, pela engenheira agrônoma Elizabeth Denise Campos, membro da Coordenadoria de Agroecologia e Produção Orgânica, e pelos técnicos em agroecologia Waltenis Braga e Marize de Campos Lima, receberam da Embrapa Algodão sementes de quatro variedades de algodão, bem como de gergelim e amendoim. Essas sementes serão multiplicadas no Centro de Desenvolvimento Tecnológico (CDT) da Emdagro, localizado em Itabaiana, no agreste sergipano, e cultivadas em consórcio nas Unidades de Aprendizagem e Pesquisa Participativa (UAP), da região.

O Programa do Algodão Agroecológico em consórcios agroalimentares está programado para ser lançado no próximo mês de novembro e tem como foco promover práticas sustentáveis na produção de algodão, visando a redução do uso de agrotóxicos e a preservação do meio ambiente. “O Programa representa um passo importante na busca por soluções agrícolas mais sustentáveis e na preservação dos recursos naturais. A colaboração entre a Emdagro e a Embrapa Algodão é fundamental para o sucesso desse empreendimento no nordeste brasileiro”, ressaltou o diretor de Ater da Emdagro, Jean Carlos.

Para ele, a visita proporcionou uma rica troca de experiências com outros estados do Nordeste, permitindo à equipe da Emdagro adquirir conhecimentos valiosos para a implementação bem-sucedida do Programa do Algodão Agroecológico em Sergipe. “Voltamos com a missão de discutir e elaborar um Plano de Ação Estadual, com a determinação de contribuir para o fortalecimento da produção de algodão agroecológico no estado e promover práticas agrícolas sustentáveis, em benefício dos agricultores e do meio ambiente”, frisou Jean Carlos.

Governo

Última atualização: 5 de outubro de 2023 08:33.

Pular para o conteúdo