Participantes do Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos elogiam atuação do Estado

Os visitantes destacam sistema de dessalinização da água para abastecimento humano nas comunidades rurais

O Governo do Estado está presente no XXV Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, que acontece até o dia 24 de novembro no Centro de Convenções AM Malls, em Aracaju. Uma das principais participações se dá durante a Expohidro, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e da Pesca (Seagri) e sua vinculada, a Companhia de Desenvolvimento Regional de Sergipe (Coderse), em exposição por meio da qual são demonstradas as ações no desenvolvimento de recursos hídricos e irrigação pública em Sergipe, incluindo a atuação no programa Água Doce.

No local, foi possível conhecer mais sobre o tema, mostrado na Expohidro pela maquete de uma das 29 unidades de produção de água dessalinizada, existentes no estado. Uma amostra de produtos agrícolas produzidos nos perímetros irrigados estaduais, administrados pela Coderse, informações sobre o uso da água de irrigação para a produção de alimentos o ano todo, geração de renda e incentivo da agricultura familiar, bem como sobre o trabalho realizado pela companhia, na implantação de sistemas de abastecimento, a partir da adução da água subterrânea, entre  outros aspectos disponibilizados durante o evento.

O geógrafo da gerência de geoprocessamento da Companhia de Saneamento Ambiental do Distrito Federal (Caesb), Roberto Souza Borges, que participa do 25º Simpósio Brasileiro de Recursos Hídricos, demonstrou satisfação em visitar o estande da Coderse. “Achei interessantíssimo o projeto de dessalinização de água com a técnica de osmose reversa, porque eu acho que é a solução para levar o saneamento básico para as comunidades isoladas. A gente não pode dar a mesma solução que dá às grandes cidades para as pequenas comunidades. Eu acho que cada uma tem a sua vocação, a sua necessidade, e a gente tem que atender às necessidades de cada um com as tecnologias adequadas para cada área e cada lugar. Esse projeto é fantástico”, destacou, chamando atenção para a articulação do projeto com instituições dos governo federal, estadual e municipal.

O diretor-presidente da Coderse, Paulo Sobral, reforçou a importância do espaço aberto pelo Governo do Estado para os seus entes públicos durante o evento. “A Coderse, sendo responsável por executar políticas públicas de desenvolvimento sustentável dos recursos hídricos, principalmente na área rural do nosso estado, não poderia deixar de mostrar suas ações aos visitantes do evento, um portfólio de atuação que está sendo muito bem avaliado pelas pessoas do Brasil e exterior que frequentaram nosso estande”, pontuou Paulo Sobral.

A estudante Maria Heloisa dos Santos Santana, aluna do Ensino Médio do Colégio Estadual Murilo Braga, de Itabaiana, visitou o evento e ficou encantada com o que viu. “Achei muito interessante conhecer como a água é reproduzida até chegar em nossas casas, e a forma como foi apresentada na maquete ficou muito mais fácil pra gente entender”, destacou a jovem, que visitou o estande acompanhada de outros colegas da escola.

O diretor técnico de mineração e Recursos Hídricos da empresa mato-grossense Metamat, Francisco Holandino, chamou atenção para a solução apresentada pelo Governo de Sergipe de dessalinizador para a comunidade de forma integrada com ação produtiva e de água para consumo humano. “Eu acho que dessa forma podemos trazer a viabilidade dos dessalinizadores, para realmente trazer soluções, principalmente para a região Nordeste, onde há um alto índice de poços com salinidade elevada. No Mato Grosso, temos esse mesmo problema de salinidade elevada também, e ficamos muito presos à questão da viabilidade técnica e econômica dos processos de tratamento dessa água”, considerou.

Governo

Última atualização: 22 de novembro de 2023 10:25.

Pular para o conteúdo